Octogenária residente na Branca faleceu numa maca do Hospital Infante D. Pedro

Octogenária residente na Branca faleceu numa maca do Hospital Infante D. Pedro

3562
hospital aveiro urgência
Dreamweb - Agência de Comunicação

Segundo noticia o Diário de Aveiro, uma octogenária morreu, anteontem à noite, cerca das 20 horas, na Urgência do Hospital Infante D. Pedro, em Aveiro. A utente, de 80 anos, que residia na Branca, fez a triagem às 15.11 horas e terá ficado à espera de ser vista por um médico.

Segundo o Diário de Aveiro apurou, foi-lhe atribuída uma pulseira amarela, a terceira mais grave para doentes urgentes, que, segundo o protocolo, obriga a um atendimento no prazo de uma hora. A doente viria a falecer, na Urgência do Hospital de Aveiro, cerca das 20 horas, numa maca, sem que aparentemente tenha sido atendida.

O filho que estaria na sala de espera a aguardar notícias sentiu-se mal e desmaiou quando foi informado do sucedido. Segundo o Diário de Aveiro apurou junto da Direcção Clínica do hospital, “não foram detectadas incongruências no processo”.

Fonte: DA

Smartfire - Aquecimento e Climatização