Contabilista terá de pagar 150 mil euros a grupo do ramo agropecuário...

Contabilista terá de pagar 150 mil euros a grupo do ramo agropecuário de Albergaria para não ir preso

1689
Dreamweb - Agência de Comunicação

Um contabilista condenado a prisão suspensa por ter desviado quase um milhão de euros de um grupo empresarial de Albergaria-a-Velha (M.C. Rios) vai ter de pagar 150 mil euros para não ir para a cadeia, divulgou a Procuradoria-Geral do Porto.

Os juízes desembargadores confirmaram na íntegra a decisão do Tribunal de Aveiro, proferida em Julho de 2017, que o condenara pela prática de um crime de furto qualificado e de um crime de falsificação de documento na pena única de cinco anos de prisão, suspensa na sua execução por igual período.

A execução da pena foi suspensa na condição de o arguido entregar 150 mil euros a três sociedades do grupo que foram lesadas.

No mesmo processo, foram absolvidos outros quatro funcionários que trabalhavam na empresa-mãe do grupo do ramo agropecuário e um gabinete de contabilidade. O principal arguido, aproveitando-se das dificuldades de saúde do administrador, assumiu o controlo das contas bancárias da empresa e de outras do mesmo grupo, desviando para a sua conta pessoal avultadas quantias.

Fonte: TVI24

Smartfire - Aquecimento e Climatização