Seminário Acidentes Ferroviários: Organização da Resposta em Acidentes Ferroviários com Multivitímas

Seminário Acidentes Ferroviários: Organização da Resposta em Acidentes Ferroviários com Multivitímas

325
Dreamweb - Agência de Comunicação

Os Bombeiros Voluntários de Albergaria-a-Velha realizaram no passado dia 30 de Setembro de 2017, um seminário subordinado ao tema “Organização da Resposta em Acidentes Ferroviários com Multivitímas”, que decorreu no Cine-teatro Municipal de Albergaria-a-Velha, entre as 08h30 às 18h00.

Num contexto em que cada vez mais são os Bombeiros, em conjunto com as entidades detentoras, de determinadas infraestruturas específicas, a dar resposta a todas as ocorrências, achamos que os acidentes ferroviários são dos menos abordados, como tal, a importância de ter conhecimento sobre as diversas máquinas, composições, vagões, linhas e outros equipamentos, que circulam nas vias férreas de Portugal, é de importância vital para o desenvolvimento de conhecimentos que permitam às equipas intervir em segurança, perante este tipo de cenários.

Como referimos, neste seminário quisemos, assegurar uma reflexão e o conhecimento dos factos sobre desencadeamento dos acidentes ferroviários, numa visão integrada entre a estrutura dos CP-Comboios de Portugal, IP-Infraestruturas de Portugal e ENB-Escola Nacional de Bombeiros, que passaram a mensagem de como as equipas de socorro podem trabalhar em segurança.

O seminário foi concluído com um simulacro, de acidente ferroviário, tendo como cenário a colisão entre uma locomotiva e um miniautocarro, originando vários feridos, dos quais 6 eram encarcerados no autocarro, 5 feridos dentro da locomotiva, 4 projectados e 4 feridos ligeiros. Neste simulacro participaram os Bombeiros de Albergaria-a-Velha, Aveiro-Novos, Águeda e Estarreja, num total de 17 veículos, 42 Bombeiros e 19 figurantes.

Os Bombeiros Voluntários de Albergaria-a-Velha, agradecem a colaboração do Município de Albergaria-a-Velha, Instituto Superior de Ciências da Informação e Administração, Infraestruturas de Portugal, Comboios de Portugal, Escola Nacional de Bombeiros, Enfermeira Patrícia Cardoso, Prof. Dr.ª Cristina Queirós e a todos os presentes.

06-10-2017
Fonte: Ass. Bombeiros para Sempre