Câmara Municipal instalou oleões para recolha e valorização de óleos alimentares usados

Câmara Municipal instalou oleões para recolha e valorização de óleos alimentares usados

564
Dreamweb - Agência de Comunicação

Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha colocou contentores para recolha de óleos alimentares usados, no âmbito de um protocolo de cooperação efetuado com a empresa Enviroria.

O objetivo é a preservação do meio ambiente, garantindo a continuidade de utilização dos recursos naturais, evitando a deposição dos óleos alimentares usados no sistema de esgotos e ao mesmo tempo procedendo à sua reciclagem através da recolha e valorização.

Com essa finalidade, a Autarquia procedeu à colocação de oleões em vários pontos do Município. Em Albergaria-a-Velha os óleos alimentares usados podem ser depositados nos oleões que se encontram na Rua do Vale, junto à Escola Secundária; na Rua Eng.º Duarte Pacheco, junto à sede do Clube Desportivo de Campinho; e na Rua Dr. Alexandre Albuquerque, junto à pastelaria Malhalba.

Em Valmaior, pode usar o oleão na Rua do Ribeiro, perto da Junta de Freguesia. Em Angeja, pode colocar no oleão na Rua da Várzea. Em Alquerubim, o oleão está instalado na Rua Sr.ª dos Aflitos, junto ao Posto Médico. Em S. João de Loure, o oleão fica situado na Estrada da Lalhe, junto à Farmácia. Em Frossos fica na Rua Comendador Martins Pereira. Na Branca, o oleão está instalado na EN1, na Junta de Freguesia. E na Ribeira de Fráguas, o oleão está na Rua de Santiago, perto do Centro de Saúde.

Os óleos alimentares usados não podem ser despejados no oleão. Devem estar dentro de garrafas de plástico que depois ali são depositadas. Quando colocar os óleos nas garrafas de plástico ele deve estar frio. Não podem ser depositados óleos de motores, transmissões ou de lubrificação, pois estes resíduos impedem a valorização dos óleos alimentares. Da mesma forma, estes não devem ter restos de comida ou outro tipo de líquidos.

Os óleos alimentares não devem ser despejados no ralo da banca da cozinha, pois dessa forma provocam problemas nos sistemas de tratamento de águas residuais e contaminam os solos. Basta um litro de óleo alimentar despejado no ralo para contaminar de uma só vez 1 milhão de litros de água. Os óleos alimentares reciclados são usados na produção de biodiesel ou sabões.

14-02-2017
Fonte: Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha